Socialmarketing em B2B com sucesso

Socialmarketing em B2B com sucesso

Social Media
07 Setembro, 2015 -
Tempo de leitura : 3 min

Apesar do sucesso das redes sociais e da sua utilidade, em B2B a comunicação deixa muito a desejar.

As empresas B2B têm tendência a ser muito sérias e focadas, o que não favorece o envolvimento do público. Há, por isso, certos objetivos que devem ser cumpridos ao pensar numa estratégia de socialmarketing em B2B (business to business).

 

1. B2B não é B2C

Uma empresa B2B precisa de entender o processo de decisão do seu público.

Ao contrário de uma página B2C (business to consumer), a plataforma tem de ser usada como um canal de engagement, direcionada para a recolha de leads, e menos para venda direta.

A sua estratégia de branding e a sua imagem devem ser bem expressivas e espelhadas.

 

2. Plataformas adequadas

A estratégia de social marketing deverá complementar ou ser completada sempre por outras estratégias de marketing: regra obrigatória para quem pretende aumentar o engagement e fortalecer a imagem.

Primeiro que tudo, é importante optar pelos canais certos e a verdade é que 99% dos marketeers B2B indicam o LinkedIn como plataforma ideal.

Mas claro, plataformas como o Facebook que é a mais utilizada, o Twitter que é mais direta ou o Google+ que ajuda a posição da empresa no Google, deverão ser tidas em conta.

Crie, depois, conteúdos originais, oportunos e úteis, mostrando ao seu público a sua essência.

 

3. Menos seriedade

Ser menos sério não significa apostar em brincadeiras ou piadas, mas sim ser mais pessoal e mostrar o seu lado humano. Apesar de ser B2B, o cliente não deixa de ser humano e gosta de relações próximas e pessoais.

Adicione algum humor, mostre empatia, acompanhe reações e humores dos seus seguidores, desfrute de eventos e celebrações. Seja mais pessoal e personalize a sua comunicação! Não seja um robot.

 

4. Siga dados e resultados

Quanto mais dados tiver sobre o seu público, as suas preferências e tendências, os seus momentos e atitudes, mais facilmente chegará até eles sem falhas, seja em B2B ou B2C.

As métricas são importantes para quase cada movimento que fizer, suportando e credibilizando cada decisão e suportando um ROI social bem claro.

Ferramentas de gestão de redes sociais vão dar-lhe as métricas que precisa para tomar as suas decisões.

Se para B2B estes dados são importantes, para B2C são imprescindíveis!

 

Apesar das diferenças entre B2B e B2C (que têm de ser tidas em conta), as redes sociais têm um papel bem importante para marketing e vendas.

Para B2B é importante identificar as plataformas mais adequadas mas, acima de tudo, criar uma estratégia atraente não só para o público, mas também para a sua gestão.