Newsletter: o segredo do e-mail marketing

Newsletter: o segredo do e-mail marketing

Marketing
10 Julho, 2015 -
Tempo de leitura : 2 min

A newsletter é um dos melhores tipos de comunicação de e-mail marketing e mais eficazes por que se pode optar. Ela é ágil, acessível e facilmente segmentada.

Deverá ser enviada periodicamente, de forma regular, com conteúdos específicos como em forma de relatório, notícias relacionadas com a empresa, artigos do blog, etc, podendo inclusivamente servir para apresentação da nova imagem da empresa, um novo produto.

Os seus clientes manter-se-ão mais próximos e sentir-se-ão parte integrante do negócio, ao estarem a par das suas novidades, o que não deixa que a sua empresa caia no esquecimento.

 

Para além do mais, existem outras razões:

1. Aumente o tráfego do website

De acordo com o Salesforce blog, 82% dos consumidores abrem e-mails das empresas.

A newsletter vai suscitar curiosidade nos seus leitores e fazê-los visitar o seu website, procurar conteúdo e comprar. Mas para isso acontecer, é preciso convidá-los e incentivá-los,

Para o fazer, poderá sempre incluir um call-to-action na newsletter e garantir que o e-mail está realmente bem direcionado.

 

2. Aumentar fãs e seguidores

E-mails com botões sociais tem a taxa de conversão 158% maior.

As redes sociais como Facebook, Twitter e Instagram são hoje parte integrante das estratégis de crescimento e marketing e as newsletters são altamente eficazes na construção da comunidade online, pois a conversa é mais focada.

 

3. Aumenta vendas

Foram 44% dos recetores de e-mail marketing que, de acordo com Jay Baer do website Convince & Convert, fizeram uma compra com base num e-mail promocional.

Ao fazer a newsletter tem oportunidade de destacar produtos/serviços, explicar benefícios e indicar pontos de venda e isso será mais fácil de memorizar para o leitor, que saberá onde encontrar exatamente o que pretende.

 

A newsletter é personalizada conforme o seu público-alvo e a personalidade da sua marca chega rapidamente ao seu público e ainda permite fazer uma análise pormenorizada ao resultado.

Depois da escolha do tipo de newsletter é importante que a escolha do título. É importante que se debruce sobre esta escolha, pois ela vai fazê-lo destacar-se dos seus concorrentes. É aconselhável que se descole dos típicos títulos que só mostram o número da newsletter ou que o poderá encontrar como “newsletter nº 30” ou “novidades”. Crie um título persuasivo e atraente.

 

O texto da newsletter deverão ser curtos, claros e concisos para que o cliente consiga fazer uma boa leitura e compreender tudo. Evite vender diretamente o seu. Ao invés disso, faça o leitor sentir-se integrado na newsletter e interessado em ler mais. Cative o cliente com o que ele quer ver e ouvir.