E-commerce: a importância da barra de pesquisa

E-commerce: a importância da barra de pesquisa

Marketing
03 Agosto, 2015 -
Tempo de leitura : 3 min

Sabia que a barra de pesquisa da sua loja online precisa de ser bem estudada?

A pesquisa no website é um dos elementos-chave da sua loja online e é dos que menos é considerado, o que é um erro - crasso - visto que é um forte indicador de intenções de compra, usado para pesquisar produtos.

 

Deixamos-lhe, então, cinco preocupações que deve ter uma conta ao organizar a sua loja online e tornar a sua barra de pesquisa intuitiva, dinâmica e interativa.

 

1. Clientes mobile

Comecemos pelo óbvio. Uma pesquisa mobile precisa de ser otimizada não só por causa do gigante Google que tanto penaliza os websites - estima-se que os websites que até agora não são mobile-friendly tiveram uma queda de 10% no tráfego do website são 16% mais caros - mas também porque são pesquisas que precisam de ser mais rápidas e simples.

É muito fácil um cliente desistir de uma compra, principalmente se o website não estiver preparado para mobile, demorar a responder ou aparecer destruturado. O seu principal objetivo deverá ser sempre facilitar as pesquisas.

Poderá, por exemplo, optar por reduzir a lista de sugestões, baseando-se apenas nos produtos mais procurados, mais recentes, com descontos, e de acordo com as preferências do visitante, das quais deve estar a par.

Para todos os efeitos, disponibilizar uma app tornará todo o processo mobile mais simples e adaptado.

 

2. Pesquisas frequentes

Se não está a seguir os dados de pesquisa dos seus clientes e visitantes, está a perder uma excelente oportunidade de os conhecer.

Saber quais os produtos mais pesquisados, a taxa de conversão comparada aos dados de pesquisa ou qual a percentagem de visitantes que usa a barra de pesquisa, permite acompanhar os seus clientes e perceber como melhorar uma simples barra de pesquisa num impulsionador de vendas.

 

3. Sugestões de pesquisa e Expressões

Há várias expressões para um mesmo produto e é provável que existam erros ortográficos ou de datilografia. A sua barra de pesquisa deverá estar preparada para reconhecer estes precalços e responder à pesquisa com os melhores resultados. A sugestão de produtos sem que o visitante acabe de digitar a palavra também é uma excelente aposta.

 

4. Descontos e Novidades

Consoante a expressão escrita ou o produto procurado, vá apresentando ao cliente os produtos mais recentes ou que se encontram com desconto.

Ele poderá saber o que pretende comprar à partida, mas ter conhecimento sobre novos produtos ou baixas de preços poderão deixá-lo interessado em adquirir um outro produto.

 

5. Imagens

Para completar as sugestões automáticas, nada melhor que juntar uma imagem dos produtos em questão, dando a possibilidade dos clientes pouparem tempo.

A imagem irá facilitar a escolha entre duas sugestões, evitará que percam tempo a carregarem num produto que à partida sabem que não vão adquirir, e vai, facilmente, conseguir mais conversões.

Os conteúdos visuais são extremamente versáteis e eficazes em vendas online.

 

Não se esqueça que duas das principais regras para que, hoje em dia, consiga conquistar um cliente e facilitar-lhe a vida e fazê-lo poupar tempo.

Apesar de parecem algo simples e estático, sem grande importância, a pesquisa permite uma comunicação mais direta entre o cliente e a marca. Resultados rápidos, eficazes e personalizados não só atraem clientes como mais facilmente os transformam em conversões.

Não se esqueça de fazer testes para perceber onde a barra de pesquisa funciona melhor.