Como sincronizar o marketing com o público

Como sincronizar o marketing com o público

Marketing
22 Outubro, 2015 -
Tempo de leitura : 2 min

A necessidade de provar para os consumidores que a marca é de confiança é um caminho complexo e mais demorado que há 10 ou 20 anos, tanto que se prevê que em apenas 4 anos a fidelidade seja baseada apenas na experiência.

Isto passa-se porque os consumidores têm muitos caminhos por onde podem ir, que é cada vez mais difícil decidirem em qual se fidelizarem.

Por este motivo as marcas têm de reunir o máximo de ferramentas possíveis para conhecerem profundamente os seus clientes, para conseguir prever o que eles gostam e como chegar até eles para que consigam cativá-los.

 

Perceba, então, os quatro passos principais para conseguir sincronizar o seu marketing com o seu cliente.

 

1. Crie uma visão profunda sobre o seu cliente

Estude e reúna um conjunto de dados capaz de disponibilizar as informações certas e para que a conversa certa com o consumidor aconteça de forma certa e no momento certo.

 

2. Compreenda e antecipe o comportamento do cliente

Através de análises avançadas da segmentação e do público em geral, a marca é capaz de prever o comportamento do público e identificar como diferentes segmentos de clientes estão mais ou menos propensos a cada conteúdo.

A segmentação vai permitir agrupar clientes considerando comportamentos e atributos. Conhecer esses pontos irá permitir antecipar algumas atitudes e saber como torná-las vantajosas para a marca.

 

3. Planear a próxima ação

As estatísticas são conhecidas, incluindo hábitos e comportamentos, ou seja, o próximo passo é automatizar a estratégia de engagement.

Os canais de planeamento também podem ser focados em dois: os que se concentram da marca para o consumidor (outbound) e os do consumidor para a marca (inbound).

A perspetiva do outbound engloba a escolha dos canais, programar campanhas, analisar dados e fazer ajustes para melhorar o desempenho da campanha nos seus canais.

Por sua vez, a perspetiva inbound é importante para gerir clientes e possíveis clientes, para que tenham acesso a ofertas e ações ao entrarem em contacto com a marca.

Há softwares que ajudam nesta gestão.

 

4. Medir os resultados

Ter acesso aos resultados das campanhas é inteligente e necessário. As métricas aplicadas irão ajudar a ter uma visão geral sobre as campanhas, deixando perceber as que têm sucesso, se criam engagement, a quem chegaram e quem realmente se identifica com elas e completa os objetivos da campanha.

É importante ir testando e percebendo o que deve mudar.

 

Um plano de marketing analiticamente orientado permitirá presentear os clientes mais fiéis que contam com conteúdo de qualidade.